29/06/09

Herói

Ainda agora, estava eu a dar gritinhos de alegria por causa de uma boa notícia que recebi, e o Joy veio disparado da rua e saltou para a minha janela como quem diz:

"Onde está o perigo, minha donzela? Eu protejo-a das forças do mal!!!"

Ao ver o seu olhar ansioso (mas corajoso!!!), percebi que era culpada pelo mal-entendido e tive de lhe dar muitas festinhas para o tranquilizar. E para lhe agradecer, claro. Não fazia ideia que o Joy seria tão protector em relação a mim. Até deixei escapar sem querer um "a Dona está bem" (normalmente não me intitulo Dona do Joy e sim Madrinha).

Ai ai ai... estou cada vez mais apaixonada por este gato...

5 comentários:

Alice disse...

Eu continuo na minha.....................................................
Ninguém acredita... mas eu sei!!

Van Dog disse...

:))

(no outro dia a dona do Boss, do gato Lucas e da Kitty ficou fechada numa varanda. Mas conseguia falar para dentro de casa. Chamou, chamou, e o único que apareceu foi o Lucas... Do Boss, nem as orelhas se viram!)

Alice disse...

nós os gatos pressentimos estas coisas! Eu sei quando a minha dona está triste e garanto que não saio de ao pe dela, ajo como se fosse a sua sombra. Por isso é q não entendo qd falam na independencia dos gatos.. eu acho q somos mais animais com personalidade!!! Sabemos o que queremos e quando queremos!!

Vá dona babada! Adopta lá o gato de uma vez... estás mortinha!! ;)

Carracinha Linda! disse...

Sim... que tal adoptares o Joy? Achas que a Ema e o Sushi lhe iriam fazer mal?

Beijinhos

Uma dona babada disse...

pois, se não fosse pela Emma e o Sushi garanto-vos k o Joy já lá estava em casa. eu e o Dono gostamos muito de gatos e este é mesmo especial.
mas nao é assim tao simples.
1. a casa nao é grande o suficiente para o manter a salvo dos monstrengos.
2. a emma e o sushi deliram a desenterrar e comer cocós de gato na rua, por isso imaginam o que ia ser da minha casa...
3. o joy aqui tem companhia o dia todo e entra e sai, porque este é o territorio dele. em minha casa ficaria sozinho a maior parte do tempo e nao sei se os gatos da minha rua iam achar piada ele entrar e sair.

se alguém quiser ser FAT dele durante a 2ª quinzena de agosto, k é kd a empresa onde trabalho vai fechar para férias e ele vai ficar sozinho, isso é que era!!! nao paro de pensar nisso!!!